A aprovação no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é um requisito exigido para que o bacharel em Direito possa se inscrever no quadro profissional e exercer a advocacia regularmente. Portanto, é fundamental ter um bom roteiro de estudo para OAB.

Devido ao volume de conteúdo cobrado, é fundamental que o candidato saiba como planejar o cronograma corretamente, com o objetivo de permitir a revisão de toda a matéria necessária até o dia da prova.

Exatamente por isso, preparamos este conteúdo com as principais dicas sobre como criar um roteiro de estudo para OAB. Acompanhe!

Leia o edital atentamente

O ponto de partida é sempre a leitura do edital: ele traz os conteúdos cobrados e as regras referentes à aplicação da prova, importantes para que o candidato não cometa erros no dia do exame. É com base nas disciplinas indicadas que você deverá organizar o roteiro de estudo para a OAB e procurar materiais atualizados.

Uma dica importante é ter atenção aos procedimentos proibidos em relação às marcações feitas no material para a segunda fase. Nela, é permitida a consulta à lei seca, geralmente o Vade Mecum, que pode conter remissões, separações e trechos grifados pelo candidato.

Porém, práticas que articulem estruturação de peças jurídicas e outras formas de burlar as regras de consulta são proibidas e resultam na eliminação. Como o ideal é fazer todas as marcações durante os estudos, desde a primeira fase, é essencial compreender as normas previstas para não cometer erros.

Determine horários de estudo

Ter horários certos para estudar é importante para criar uma rotina e se habituar a esses momentos. Essa prática ajuda a otimizar os estudos, pois o cérebro se acostuma com a programação feita. Além disso, você terá mais facilidade para manter a concentração.

Faça uma análise dos seus compromissos, como faculdade e trabalho, e veja quais horários estão disponíveis. Depois, determine quanto tempo você pode dedicar à preparação e organize um cronograma com base nessas informações.

Nesse momento, é preciso ter atenção para não se sobrecarregar: lembre-se de que os momentos de descanso e lazer são importantes. Sem aproveitar alguns períodos de relaxamento, provavelmente você acumulará cansaço e estresse, o que atrapalha a concentração e dificulta a assimilação do conteúdo.

Divida a matéria em blocos

O exame de ordem cobra diversas disciplinas, mas algumas são mais recorrentes do que outras. Para organizar um roteiro de estudo para OAB da melhor forma, é importante separar as matérias em blocos, de acordo com a sua importância.

A primeira fase conta com 80 questões, mas o candidato precisa acertar 40 para ir para a segunda etapa. Então, essa separação permite que o candidato organize os estudos de acordo com o volume de questões. Veja como fazer isso.

Bloco A

Esse é o bloco responsável por 47 questões, ou seja, mais de metade da prova. Por isso, vale a pena investir mais tempo do seu roteiro para se dedicar a estas matérias. São elas:

Tenha as mesmas condições
  • Ética Profissional: 8 questões;
  • Direito Civil: 7 questões;
  • Direito Constitucional: 7 questões;
  • Direito Processual Civil: 7 questões;
  • Direito Administrativo: 6 questões;
  • Direito Penal: 6 questões;
  • Direito Processual Penal: 6 questões.

Bloco B

O segundo bloco é formado por 4 disciplinas que somam mais 21 questões, praticamente 25% da prova. Ele deve ser estudado com atenção, mas exige menos tempo de dedicação:

  • Direito do Trabalho: 6 questões;
  • Direito Empresarial: 5 questões;
  • Direito Tributário: 5 questões;
  • Direito Processual do Trabalho: 5 questões.

Bloco C

Finalmente, o último grupo conta com 6 disciplinas, mas apenas 12 questões na prova. Apesar de exigirem a atenção do candidato, elas não devem ser o principal foco dos estudos. Veja só:

  • Direito Ambiental: 2 questões;
  • Direito do Consumidor: 2 questões;
  • Direito Internacional: 2 questões;
  • Direitos Humanos: 2 questões;
  • Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): 2 questões;
  • Filosofia do Direito: 2 questões.

Estabeleça metas de estudo

Com o volume de disciplinas cobradas, muitas vezes, os candidatos desanimam com os estudos. Então é importante encontrar formas de manter o foco e o ânimo na preparação. Aqui, a definição de metas faz toda a diferença.

Defina um período mínimo de dedicação e uma quantidade de matéria que deverá ser revisada, de acordo com o seu cronograma. Além disso, deixe um dia reservado para “revisão e reposição”. Dessa maneira, em caso de imprevistos, você terá um tempo específico para colocar os estudos em dia.

Assim, você conseguirá acompanhar o seu rendimento e ver alguns objetivos cumpridos, de acordo com o roteiro de estudo para OAB. As pequenas conquistas ajudam a manter o foco e a disposição para se dedicar.

Não se esqueça da resolução de questões

A resolução de questões é uma ótima técnica de estudos: ela ajuda a revisar a matéria, avaliar os seus conhecimentos e aprender alguns assuntos novos ao conferir o gabarito. Nesse caso, é importante que o candidato também foque em compreender as justificativas de cada resposta, certas ou erradas, para ajudar na memorização.

Para ajudar na preparação, você pode aproveitar para resolver provas anteriores e simulados desenvolvidos com foco na OAB. Isso permite que você se familiarize com o estilo da banca responsável, a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Vale lembrar que essa banca é conhecida pelas perguntas multidisciplinares, que conectam conteúdos de diversas matérias. Treinar a resolução de questões ajuda o candidato a desenvolver essa forma de pensamento e fazer as conexões necessárias no dia do exame.

Faça um curso preparatório

Uma ótima dica para ajudar na preparação para a prova e na organização de um roteiro de estudos eficiente é fazer um curso preparatório. Os professores desenvolvem as aulas com foco em repassar toda a matéria exigida no tempo disponível até a prova.

Além disso, você recebe materiais complementares e tem acesso a atividades importantes, como os simulados, para revisar a matéria e medir o seu desempenho. Isso facilita a organização da rotina e potencializa a sua preparação.

Viu como criar um roteiro de estudo para OAB é simples? Seguindo essas dicas, você conseguirá potencializar o aprendizado para os melhores resultados na prova e iniciar a tão sonhada carreira na advocacia!

Se você gostou deste post e deseja conhecer mais dicas para aprimorar os seus estudos, aproveite para conhecer algumas técnicas importantes para absorver mais conhecimento!

newsletter

Novidades de EBRADI por e-mail

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Entre em contato com a equipe EBRADI

Preencha o formulário e fale com um consultor de vendas

Condições especiais para a sua matrícula

| AVISO DE COOKIES

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Para mais informações consulte nosso Aviso Externo de Privacidade.