Considerado um dos cursos mais tradicionais e disputados pelos estudantes, o Direito oferece inúmeras experiências e esferas ao longo da carreira, que tem por objetivo colaborar com a organização da sociedade por meio do entendimento e da aplicação das leis vigentes.

Ao contrário do que muitos pensam, a área abre um leque de oportunidades de atuação, desde as mais clássicas às mais inovadoras. Considerando as diversas esferas jurídicas, destaca-se a importância de escolher devidamente uma delas, principalmente se você deseja ter destaque no mercado de trabalho.

Diante disso, elaboramos este artigo para que você saiba como escolher a área de atuação na advocacia, ressaltando o que precisa ser observado para fazer a opção adequada ao seu perfil. Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

Quais são as áreas de atuação dentro do Direito?

Uma das decisões mais difíceis para qualquer estudante de Direito é saber qual carreira seguir, principalmente após a aprovação na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Para alguns, a afinidade pela área é construída durante a graduação e de acordo com o perfil. Contudo, muitos advogados ainda se sentem perdidos diante de tantas opções.

Por esse motivo, conhecer o conjunto de possibilidades do ramo é relevante até mesmo para quem já desempenha essa função e pretende se especializar e seguir um novo norte na carreira. Para ajudar na hora de fazer essa escolha, listaremos, a seguir, as principais áreas de atuação dentro do Direito. Confira!

Direito Civil

É, sem dúvida, uma das esferas mais amplas do trabalho jurídico, pois o profissional da advocacia civil pode atuar representando os direitos individuais, da família, de bens e serviços, de ocorrências jurídicas, entre outros interesses associados ao indivíduo, seus bens materiais e suas responsabilidades como cidadão.

Direito Penal

O Direito Penal é responsável pela ordem social, ou seja, ele determina regras para punição de indivíduos que cometem delitos e contravenções que, de alguma forma, prejudicam a convivência na sociedade. Nesse caso, a atuação do advogado abrange as questões criminais, defendendo ou acusando pessoas jurídicas ou físicas.

Direito Constitucional

Diferentemente das anteriores, essa é a área mais recente, já que a Constituição Federal vigente é de 1988 e ainda sofre alterações contínuas. O Direito Constitucional é o ramo que se dedica à análise e à interpretação das normas constitucionais, as quais têm como finalidade regulamentar o poder estatal, delimitando-o e garantindo os direitos fundamentais.

Direito Trabalhista

Aborda especificamente todas as relações de trabalho da sociedade, analisando e aplicando leis que tocam o trabalhador e os seus empregadores. Nessa área, o advogado atua representando as partes envolvidas em situação de disputas, assim como por questões sindicais e previdenciárias, de acordo com as normas da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Direito do Consumidor

Considerada uma das áreas de maior demanda, é responsável por mediar as relações do cidadão comum com o ambiente empresarial, seja diretamente nas vendas ou na prestação de serviços. Ou seja, o advogado atua tanto na defesa de consumidores, que precisam de auxílio em relação aos direitos contidos no Código de Defesa do Consumidor, quanto das empresas, que querem se organizar melhor para evitar conflitos.

O que pode ser desafiante no momento da escolha?

Ao longo da carreira jurídica, os advogados passam por inúmeras dificuldades, desde o primeiro estágio até a abertura de seu próprio escritório. Nos últimos anos, o mercado de trabalho sofreu mudanças significativas para esses profissionais, sobretudo devido à alta concorrência e ao perfil dos clientes, que estão cada vez mais informados sobre seus direitos e exigentes.

Tenha as mesmas condições

Com relação à concorrência, o Brasil é um dos países com o maior número de advogados do mundo, além da grande concentração de faculdades de Direito. Nesse sentido, a alta competição certamente é o desafio que mais influencia a escolha da área de atuação, já que encontrar um âmbito não muito disputado será um diferencial, exigindo do advogado uma qualificação cada vez maior para se destacar.

Diante disso, exige-se versatilidade dos que buscam se diferenciar no mercado e superar as exigências contemporâneas. Com o tempo, os resultados repercutem em todos os que precisam se adaptar às novas soluções.

Como fazer a escolha da área de atuação?

Neste tópico, listamos algumas dicas vão ajudar a escolher a área de atuação na advocacia. Confira!

Identifique seus gostos e habilidades

Ao optar por uma área, lembre-se de considerar todas as suas preferências, habilidades e afinidades. Afinal, existem muitos campos interessantes que não têm nada a ver com você. A afinidade com o tema possibilita um maior incentivo e dedicação, e isso está diretamente associado ao sucesso profissional, pois, demonstrando suas habilidades, é mais fácil entender se o perfil da profissão é compatível com as suas características e se destacar.

Conheça um pouco mais sobre a área

Conhecer todas as áreas do Direito possibilita um melhor direcionamento para a atuação, permitindo que você esteja alinhado aos objetivos específicos de cada setor e que tome a melhor decisão em relação ao seu futuro profissional.

Uma ótima alternativa é ampliar o seu networking para trocar ideias sobre o assunto. Converse com seus professores, com advogados que atuam na área e com pessoas que fazem estágios de advocacia.

Avalie a demanda dentro da área

Outro fato importante consiste em avaliar a demanda da área que você deseja atuar, pois assim é possível analisar quais são mais promissoras e oferecem melhores oportunidades. O ideal é encontrar uma que não esteja saturada e que traga bons resultados futuros. Não se esqueça de que isso não deve ser o único ponto a ser avaliado, pois, apesar da grande concorrência, o profissional pode se destacar por meio de ideias inovadoras.

Entenda como é a rotina de trabalho

Ao escolher a área de atuação na advocacia, é importante acompanhar audiências, analisar diligências, participar de conciliações, conhecer a dinâmica de um escritório, ou seja, conhecer a rotina de trabalho do profissional e praticar todas as atividades possíveis, vivenciando o dia a dia de cada área.

Qual é a importância de fazer uma boa escolha?

Agora que você já sabe como escolher a área de atuação na advocacia, é hora de ressaltar a necessidade de fazer uma boa opção e como isso gera maior satisfação no trabalho e, consequentemente, melhores resultados.

Em qualquer ramo do mercado, para conseguir boas oportunidades e obter sucesso, é preciso se destacar. No mundo jurídico, o profissional alcançará esse objetivo estudando constantemente e se mantendo sempre atualizado.

Por fim, com todas essas informações valiosas, é possível compreender melhor as características do curso de Direito. Assim, fica mais fácil escolher a área de atuação na advocacia e tomar uma decisão mais coerente com seus desejos e habilidades, não correndo o risco de lidar com frustrações futuras.

Gostou do nosso post? Quer ter acesso a mais conteúdos como este? Então, aproveite para curtir a nossa página no Facebook, porque assim você vai ficar por dentro de todas as novidades. Vamos lá!

newsletter

Novidades de EBRADI por e-mail

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Entre em contato com a equipe EBRADI

Preencha o formulário e fale com um consultor de vendas

Condições especiais para a sua matrícula

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

| AVISO DE COOKIES

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Para mais informações consulte nosso Aviso Externo de Privacidade.