Na data de 25/11, com o advento da Lei 13.912, foram acrescentadas novas eventualidades para a responsabilização civil objetiva das torcidas organizadas, alterando significativamente as regras do Estatuto de Defesa do Torcedor.

Agora, as torcidas organizadas estão impedidas de frequentar eventos esportivos por até 5 anos nos casos de promoverem tumultos, praticarem ou incitarem a violência, assim como nos casos de invasão a local restrito aos competidores, árbitros, fiscais, dirigentes, organizadores ou jornalistas.

Essa lei também estende a incidência na hipótese de os atos praticados ocorrerem em locais e datas diversos dos eventos esportivos, acrescentando o artigo 39-C ao Estatuto. As punições devem ser aplicadas contra as torcidas organizadas e nos casos que envolverem seus associados ou membros.

Vejamos:

Tenha as mesmas condições

Art. 3º A Lei nº 10.671, de 15 de maio de 2003 (Estatuto de Defesa do Torcedor), passa a vigorar acrescida do seguinte art. 39-C: “Art. 39-C. Aplica-se o disposto nos arts. 39-A e 39-B à torcida organizada e a seus associados ou membros envolvidos, mesmo que em local ou data distintos dos relativos à competição esportiva, nos casos de:

I – invasão de local de treinamento;

II – confronto, ou induzimento ou auxílio a confronto, entre torcedores;

III – ilícitos praticados contra esportistas, competidores, árbitros, fiscais ou organizadores de eventos esportivos e jornalistas voltados principal ou exclusivamente à cobertura de competições esportivas, mesmo que, no momento, não estejam atuando na competição ou diretamente envolvidos com o evento.

1) O que é o Estatuto do Torcedor?

Dá-se essa nomenclatura popular à Lei nº 10.671/03 que tem por objetivo o de normatizar de forma racional as atividades desportivas praticadas no território brasileiro, tendo como protagonista o futebol.

A Lei foi criada como uma forma de extensão ao Código de Defesa do Consumidor, visando a regulamentar partidas em si e seus procedimentos e logísticas. Dentro de seu corpo normativo, o Estatuto busca tratar de grande parte da relação com o torcedor, tendo como alguma de suas questões principais: como ter acesso sobre às informações indispensáveis para chegar ao jogo, como será feita a disponibilização dos ingressos para a partida, não podendo omitir sobre a questão da meia-entrada, a segurança dentro dos estádios, entre outros.

Gostou deste conteúdo?

Então, siga nossos perfis no FacebookInstagramLinkedIn e Twitter!

 

newsletter

Novidades de EBRADI por e-mail

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Entre em contato com a equipe EBRADI

Preencha o formulário e fale com um consultor de vendas

Condições especiais para a sua matrícula

| AVISO DE COOKIES

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Para mais informações consulte nosso Aviso Externo de Privacidade.